Primeiros médicos formados no Oeste da Bahia colam grau na UFOBBLOG BAHIA

5 de mai. de 2020

Primeiros médicos formados no Oeste da Bahia colam grau na UFOB

Num momento em que as atenções de todos estão voltadas à pandemia de coronavírus, a Região Oeste da Bahia celebra um marco histórico na área de saúde nesta segunda-feira (4): a formatura da primeira turma de médicos da Universidade Federal do Oeste da Bahia (UFOB). Os 29 novos profissionais tiveram sua colação de grau antecipada devido às ações de combate à Covid-19.

A cerimônia, ocorrida no Campus Reitor Edgard Santos, da UFOB, em Barreiras, contou apenas com a participação de autoridades acadêmicas e dos estudantes. A medida foi para evitar aglomerações. Criado sem setembro de 2014, o curso de medicina numa instituição pública em Barreiras era um desejo antigo da população e possibilitou que muitos estudantes da Região não precisassem mais buscar essa formação em outros locais.

Deyse Câmara é uma delas. Natural de Cotegipe, a jovem de 24 anos, realizou dois sonhos: o de ingressar no curso e retornar para perto da família, após uma temporada de estudos no estado de Goiás. Agora formada, ela pretende retribuir a chance dada e seguir o trabalho já desenvolvido nas unidades de saúde. “O sentimento que prevalece, sem dúvidas, é o de gratidão. Por isso, pretendo trabalhar aqui, não apenas por ser filha da região e ter a oportunidade de conviver com todas as pessoas que eu amo, mas porque realmente precisamos de mais profissionais médicos, principalmente especialistas”, pontua a médica, que já planeja a residência em 2020.
A ibotiramense Ludnna Baraúna, de 26 anos, está feliz por escrever seu nome na história da saúde do Oeste da Bahia e cumprido seu dever. Segundo ela, apesar das dificuldades comuns em primeiras turmas de Medicina, a UFOB possibilitou uma maior proximidade com professores e servidores gabaritados, o que nem sempre acontece em instituições maiores. “Poder aprender e estar ativa em projetos nos bairros de Barreiras me possibilitou experiências que marcaram minha formação ”.

O médico Rhamon Lacerda, 31 anos, também ressalta o papel dos estudantes na construção do curso. “Não foi fácil ser a primeira turma de Medicina no Oeste da Bahia e também numa universidade nova. Todos tinham o dever de ajudar a construir o curso. Sempre fazíamos reuniões, participávamos de conselhos, estudava como funcionava o curso e a grade das outras instituições. A UFOB sempre nos ouvia e, mesmo com as burocracias, a gente conseguia adequar as disciplinas, professores, estágios, dentre outras coisas”.

Para o coordenador do curso, o médico e professor Lancaster Diniz, os novos médicos contribuirão para a melhoria da saúde regional. “Para o Oeste da Bahia, contar com profissionais médicos formados aqui é uma coisa muito importante. Esses ex-estudantes, agora médicos, têm uma noção boa das dificuldades e limitações enfrentadas no cotidiano do Sistema Único de Saúde (SUS). Eles terão um papel importante e ocuparão espaços em Barreiras e municípios do entorno”, destaca.

A formatura da primeira turma do curso de medicina da UFOB é ainda um marco para a consolidação do processo de interiorização do ensino superior público federal no oeste baiano. De acordo com o reitor da UFOB, professor Jacques Antonio de Miranda, “baseado em todo o conhecimento e experiências adquiridos em quase 6 anos de vivência universitária, esses novos médicos estão preparados para reafirmar nossas esperanças, salvar vidas e contribuir para o fortalecimento do sistema brasileiro de saúde.”

O curso de Medicina da UFOB conta atualmente com 384 estudantes. O ingresso ocorre por meio do Enem/Sisu, com 80 vagas anuais. Desde o começo da graduação, os estudantes desenvolvem atividades em bairros de Barreiras e em alguns municípios do Oeste.

Formandos primeira turma de Medicina da UFOB:

Alexandre Lacerda; Alex Mendes, Bruna Gontijo; Bruno Clécio; Camille Lavigne; Deyse Camara; Denise Oliveira; Eduardo Soares; Fabrício Ataídes; Iana Kátia; Ingridy Caroline; Jaisa Leite; Jessica Guache; Júlia Lima; Lara Fonseca; Kaio Santana; Lorrany Franco; Luanna Pimenta; Lucas Guimarães; Ludnna Baraúna; Maria Luiza Rigo; Mariana Dias; Mariana Montalvão; Milena Mendonça; Rhamon Lacerda; Sissi Borges; Thales Rodrigues; Thayze Brito e Wallace Dantas.

Fonte: Blog Bahia  / Ascom UFOB

Nenhum comentário:

Postar um comentário