Morador registra 'nuvem de poeira' em Luís Eduardo Magalhães, na Bahia, após ventaniaBLOG BAHIA

27 de out. de 2020

Morador registra 'nuvem de poeira' em Luís Eduardo Magalhães, na Bahia, após ventania

  

Uma "nuvem de poeira" se formou em Luís Eduardo Magalhães, no oeste da Bahia, nesta terça-feira (27), após uma ventania na cidade, conforme relato de moradores.


Na cidade há uma estação meteorológica, mas que está inoperante temporariamente neste período da pandemia da Covid-19. Por isso, não há detalhes da velocidade das rajadas de vento. Entretanto, através de imagens feitas por moradores foi possível ouvir o barulho do vento e notar o balanço de galhos de árvores. A ventania foi registrada por volta das 11h.


A poeira ficou suspensa no ar por cerca de 10 minutos, o que atrapalhou a visibilidade das pessoas que circulavam na cidade. Após dissipação da poeira, o tempo, que já estava nublado, permaneceu fechado e há possibilidade de chuva fraca no município ao longo do dia. De acordo com o Inmet, a temperatura mínima em Luís Eduardo é de 20ºC e máxima de 32ºC.


Conforme explica a meteorologista do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), Cláudia Valéria, rajadas de ventos pontuais são comuns nesse período do ano em algumas regiões da Bahia.


"Essa época do ano, a gente tem o início do período chuvoso nas regiões oeste, sudoeste e sul do estado. Essas primeiras chuvas, quando os sistemas meteorológicos se aproximam, as temperaturas estão muito elevadas, então, normalmente a gente tem, além das chuvas, as rajadas de vento pontuais, que, às vezes, formam redemoinhos. Quando ocorrem as chuvas, também está associada as descargas elétricas, trovoadas. Falamos em tempestade de areia em áreas oceânicas, próximas do mar, ou em grandes áreas desérticas, que não é o caso", explica.


Fonte: Blog Bahia  / G1 BA

Nenhum comentário:

Postar um comentário