Barreiras celebra certificação do Selo UNICEF – Edição 2017/2020Blog Bahia

10 de dez. de 2020

Barreiras celebra certificação do Selo UNICEF – Edição 2017/2020

Na manhã de terça-feira (08) em cerimônia virtual, o Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) anunciou os municípios que receberam o Selo UNICEF – edição 2017/2020 por seus avanços na garantia dos direitos das crianças e adolescentes. O município de Barreiras se destacou na promoção e manutenção do acesso à assistência social, educação, saúde, proteção contra a violência e participação social. Nesta edição, 1.924 municípios brasileiros participaram do programa, sendo 26 do estado da Bahia e ao final do processo de avaliação, apenas 431 municípios obtiveram o reconhecimento do Selo UNICEF.


O papel do Selo UNICEF é estimular o município para otimizar recursos humanos e financeiros, qualificando a demanda e melhorando a oferta de políticas públicas direcionadas à infância e adolescência, em diálogo com os governos estaduais e federal. A metodologia estimula e ajuda o município a construir um planejamento de acordo com as prioridades locais de forma coordenada e intersetorial, como foco em resultados concretos.

Responsáveis por planejar e coordenar as ações em Barreiras, mobilizando os diversos setores em torno dos direitos das crianças e dos adolescentes, as articuladoras e integrantes da comissão intersetorial, Jelzira Figueiredo da Secretaria de Assistência Social, Joceli Santos da Secretaria de Saúde e Neuraci Silva da Secretaria de Educação, representaram o município.

“Com esse resultado de hoje do Selo Unicef, o município de Barreiras é certificado e os maiores beneficiados são sem dúvida, as crianças e adolescentes, com o fortalecimento das políticas públicas de qualidade voltadas para a garantia de seus direitos. Também ganham as famílias e a comunidade, porque para conquistar o Selo UNICEF, a gestão municipal precisou avançar em seus 12 Indicadores Sociais envolvendo Assistência Social, Saúde e Educação e promover intensa mobilização, participação e engajamento social. Realmente, um verdadeiro envolvimento em um trabalho intersetorial”, pontuou a secretária de assistência social e trabalho, Adriana de Souza.





Fonte: Blog Bahia  /  DIRCOM

Nenhum comentário:

Postar um comentário