Luís Eduardo Magalhães: Prefeito publica Decreto a fim de conter o crescimento desordenado do municípioBlog Bahia

26 de jan. de 2021

Luís Eduardo Magalhães: Prefeito publica Decreto a fim de conter o crescimento desordenado do município

 

Com o objetivo de conter o crescimento desordenado do município, a Prefeitura de Luís Eduardo Magalhães suspendeu por tempo indeterminado a aprovação de projetos de parcelamento do solo e revogou as autorizações para funcionamento de novos loteamentos. 


Os decretos que já estão em vigor, foram publicados no dia 15 de janeiro. O prefeito Júnior Marabá lembrou que o transtorno causado pelas últimas chuvas, é fruto de 20 anos sem planejamento urbano. “Fiz isso pensando principalmente na população que vem adquirindo lotes em locais cada vez mais distantes do centro, e que não têm recebido o prometido na hora da compra”, contou. 


Júnior lembrou que a intenção é resguardar o direito das pessoas que fizeram a aquisição de lotes.  Atualmente no município há uma série de compromissos firmados com as loteadoras que não foram cumpridos. “Não tenho os loteadores como adversários. Apenas quero resolver os problemas que eles mesmos e outros políticos criaram na cidade”.


“Nós demos um passo muito importante na proteção daqueles que foram prejudicados, que são a grande maioria, enquanto poucos eram beneficiados”, disse o prefeito.


Quando um lote é liberado muito longe do centro, a Prefeitura precisa deslocar toda a infraestrutura para esses locais, desfalcando bairros já existentes. “Nós não precisamos de mais loteamentos. Apenas precisamos cuidar dos que já temos. Cuidar do seu bairro, da porta da sua casa, para que ela esteja limpa, iluminada e para que você e sua família viva com dignidade”, disse o prefeito Junior.


“Esse crescimento desordenado que beneficiava a poucos, prejudicou a grande maioria dos pais de família de Luís Eduardo que precisam trabalhar mas que estão distantes hoje do centro da cidade”, conclui Junior Marabá.



Fonte: Blog Bahia, Ascom, Prefeitura de LEM

Nenhum comentário:

Postar um comentário