Natal Luz da Praça dos Três Poderes em Luís Eduardo Magalhães foi entregue ontemBlog Bahia (O Portal de Notícias do Oeste Baiano)

16 de dez. de 2021

Natal Luz da Praça dos Três Poderes em Luís Eduardo Magalhães foi entregue ontem

 A cidade de Luís Eduardo Magalhães entregou ontem, dia 15, para a população o Natal Luz da Praça dos Três Poderes. No último sábado, 11, o prefeito Junior Marabá já havia entregue a iluminação do centro comercial da cidade.

O evento de abertura, que ficou lotado em plena quarta-feira, foi um sucesso. “Está maravilhoso este lugar. Agora Luís Eduardo pode dizer que tem um Natal. Espero que este evento se repita todo ano”, disse animada a vendedora Roseane Silva.

A estrutura da Praça dos Três Poderes conta com uma iluminação temática e áreas de entretenimento para adultos e crianças, onde foi montada uma área de alimentação com restaurantes e lanchonetes. A Estação de Natalina, como foi chamada, tem um presépio e um Papai Noel, que a foram atração da festa para a garotada. No local também foi montado um palco para apresentação de atrações locais.

Além da Estação Natalina, outra área de alimentação foi montada para os visitantes do Natal Luz; é a área dos Food Trucks. Lá foram instalados os melhores trailers de lanches da cidade que funcionarão ao lado do Palco Principal.

 “Nossa cidade tem um perfil familiar. Muita gente que veio de fora e que as vezes se resumem ao eixo familiar da casa. Esse lugar foi montado pra isso; para abraçar as famílias luiseduardenses e envolve-las nesse clima natalino, de renovação e esperança. Fui criado aqui e sei o quanto é importante esse tipo de evento”, disse o prefeito Junior Marabá.

O espaço ficará à disposição da cidade sempre a partir das 18 horas, até o dia 09 de janeiro, e contará com atrações locais na Estação Natalina e no palco montado. “Estou muito feliz com o resultado do espaço. Parabéns a todas as equipes envolvidas nessa montagem, que sei, não foram poucas”, concluiu o prefeito Junior Marabá.




Fonte: Blog Bahia  / Ascom, Prefeitura de Luís Eduardo Magalhães

Nenhum comentário:

Postar um comentário