LEM: Inicia nesta quarta-feira (19), vacinação contra Covid-19 para crianças de 5 a 11 anos com comorbidadesBlog Bahia (O Portal de Notícias do Oeste Baiano)

19 de jan. de 2022

LEM: Inicia nesta quarta-feira (19), vacinação contra Covid-19 para crianças de 5 a 11 anos com comorbidades

Nesta quarta-feira (19) a Secretaria Municipal de Saúde de Luís Eduardo Magalhães, inicia a vacinação contra Covid-19 para crianças de 5 a 11 anos. Nesta primeira fase será dada prioridade às crianças com comorbidades e deficiência permanente.

Para atender a criançada, a Secretaria de Saúde preparou um espaço diferenciado e exclusivo para a vacinação infantil. Será na antiga sede PROMATI, ao lado do drive-thru no bairro Santa Cruz. O horário de vacinação será das 8h às 16h. Vale lembrar que após a imunização, a criança será observada por 20 minutos pela equipe de saúde. 

Para ser vacinada, a criança deverá estar acompanhada pelos pais ou responsável legal. Em caso de ausência dos pais ou responsável, a criança só será vacinada mediante termo de autorização e acompanhada de um adulto. 

Documentação necessária para a criança
Documento oficial com foto, CPF ou cartão do SUS atualizado e caderneta de vacinação. Para as crianças com comorbidade e deficiência permanente, será necessário apresentação do laudo atestando a condição médica. O modelo do documento está disponível para os pais nas unidades de saúde do município. 

Informações sobre a vacina Pfizer Pediátrica
- Liberação da Anvisa
Segundo a equipe técnica da Agência Nacional da Vigilância Sanitária, as informações avaliadas indicam que a vacina é segura e eficaz para o público infantil.

- O que muda?
A vacina para crianças tem dosagem e composição diferentes daquela utilizada para os maiores de 12 anos. A formulação da vacina para crianças será aplicada em duas doses de 0,2 ml (equivalente a 10 microgramas), com pelo menos 21 dias de intervalo entre as doses.

A tampa do frasco da vacina virá na cor laranja, para facilitar a identificação pelas equipes de vacinação e também pelos pais, mães e cuidadores que levarão as crianças para serem vacinadas.


Fonte: Blog Bahia  / Ascom, Prefeitura de Luís Eduardo Magalhães

Nenhum comentário:

Postar um comentário