Comitiva da Prefeitura de Barreiras e Defensoria Pública do Estado visitam Central de Gerenciamento de Resíduos Sólidos em Jundiaí/SPBlog Bahia (O Portal de Notícias do Oeste Baiano)



18 de mai. de 2022

Comitiva da Prefeitura de Barreiras e Defensoria Pública do Estado visitam Central de Gerenciamento de Resíduos Sólidos em Jundiaí/SP

 

Após acabar com o lixão e iniciar o tratamento e destinação ambientalmente adequado dos resíduos sólidos urbanos no início deste mês, uma equipe da Prefeitura de Barreiras e da Defensoria Pública do Estado da Bahia, participaram de uma visita técnica na Central de Gerenciamento e Tratamento de Resíduos Sólidos na cidade de Jundiaí, em São Paulo.

O objetivo foi conhecer o modelo da Central que é referência no país com destaque nos resíduos de construção civil, com a proposta de adaptar esse modelo eficiente no município de Barreiras, visando à inclusão dos catadores que trabalhavam no lixão. Participaram da visita o secretário municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade, Demósthenes Júnior; o procurador jurídico adjunto, Marcio Santos; coordenadora do Núcleo de Gestão Ambiental da DPE/BA, Kaliany Gonzaga e a coordenadora da 8ª Defensoria Pública Regional Barreiras, Laís Daniela Nunes.

Organizado em forma de aterro sanitário, a disposição ambientalmente adequada dos resíduos sólidos segue a Política Nacional de Resíduo Sólido e com a Norma Técnica NBR 8419/1992 da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT), o qual emprega técnicas e tecnologias apropriadas para que este procedimento não cause danos ao meio ambiente, minimizando assim, os impactos ambientais, paralisando de vez o despejo desses resíduos ao lixão, prática que era realizada há décadas.

Segundo o secretário de Meio Ambiente e Sustentabilidade, a visita teve como objetivo principal a averiguação, principalmente pelos os membros da Defensoria Pública, que o modelo atende a política nacional. “Essa visita teve como principal finalidade, por parte da Defensoria Pública, averiguar o modelo que será adotado em Barreiras, se está em conformidade com Lei nº 14.026, de julho de 2021, que dispõe sobre o novo Marco do Saneamento Básico, assegurando a inclusão dos catadores. A Prefeitura já havia realizado outras visitas nesta cidade e, busca sempre das boas práticas com o meio ambiente”, Demósthenes Junior.

Na oportunidade, o secretário falou da implantação do Programa de Compensação Financeiro Temporário, realizado pela Prefeitura de Barreiras, destinado aos catadores de materiais recicláveis que exerciam atividades no lixão do município, e contribui com as condições de sobrevivências dos catadores até a implantação e o funcionamento do Centro de Triagem de Resíduos Sólidos – CTR, com base no novo o marco legal do saneamento básico. Eles já estão recebendo um benefício de R$ 800,00 reais mensais, resultado de uma atuação em conjunto com a Defensoria Pública do Estado para o cadastramento dos catadores que se enquadram no Programa.


Fonte: Blog Bahia  / Dircom

Nenhum comentário:

Postar um comentário