LEM realiza IV Conferência Municipal dos Direitos da Criança e do AdolescenteBlog Bahia (O Portal de Notícias do Oeste Baiano)



11 de nov. de 2022

LEM realiza IV Conferência Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente

 

A Prefeitura de Luís Eduardo Magalhães, através da Secretaria Municipal da Cidadania, por meio do Conselho Municipal da Criança e do Adolescente (CMDCA), promoveu durante todo o dia de hoje (10), a IV Conferência Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, no auditório do Sindicato Rural.


Pela manhã, o evento contou com palestras, pronunciamentos de autoridades e apresentações culturais.
Além da presença do prefeito Junior Marabá, de representantes da Câmara de Vereadores, do CMDCA, da rede de proteção da criança e do adolescente, Conselho Tutelar, do Núcleo de Adolescentes (NUCA), o juiz da vara da Infância e Juventude, Dr. Rafael Bortone Reis e a promotora de Justiça, Dra. Luana Colontonio Triches estiveram presentes na Conferência.

"Quanto mais houver um alinhamento desses órgãos da rede de proteção, maior garantia nós teremos de que esses direitos sejam realmente resguardados", ressaltou a promotora.

"Esses encontros são importantes, tendo em vista a distribuição de recursos para as crianças e adolescentes e esse é o momento que a gente tem pra ver o que tem sido feito e o que vai ser feito daqui pra frente", pontuou o magistrado.

Entrega simbólica dos cheques para as cinco instituições Contempladas no edital CMDCA


O Centro Espírita Lar de Amor Anjo Gabriel; a Associação Desportiva e Cultural Santa Geração; a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE-LEM); a Associação dos Moradores do Aracruz (AMA) e a Associação Beneficiente Cristã Mão Amiga receberam o cheque simbólico no valor de R$ 20 mil cada. Os recursos foram captados pelo Fundo Municipal da Criança e do Adolescente (FMDCA).


No período da tarde, foram discutidos cinco eixos, dentro do tema central da Conferência A Situação dos Direitos Humanos de Crianças e Adolescentes em Tempos de Pandemia de Covid-19: violações e vulnerabilidades, ações necessárias para reparação e garantia de políticas de proteção integral, com respeito à diversidade", que serão levados para gestão municipal, Conferência Estadual e em seguida para a Conferência Nacional. 






Fonte: Blog Bahia  /  Ascom, Prefeitura LEM


Nenhum comentário:

Postar um comentário