Duas pessoas são presas por suspeita de tomar posse de propriedades com uso de violência em Santa Maria da VitóriaBlog Bahia (O Portal de Notícias do Oeste Baiano)



24 de dez. de 2022

Duas pessoas são presas por suspeita de tomar posse de propriedades com uso de violência em Santa Maria da Vitória

 

Duas pessoas foram presas preventivamente e nove mandados de busca e apreensão foram cumpridos, na quinta-feira (22), em Santa Maria da Vitória, durante operação deflagrada pela 26ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin), daquele município, para desarticular uma quadrilha suspeita de se apossar de propriedades alheias fazendo uso de violência.

Além do crime de esbulho possessório, o grupo também é suspeito de perseguição, posse e porte de arma de fogo, constrangimento ilegal e falsa comunicação de crimes em face de posseiros. Celulares e um computador foram apreendidos com os investigados.

De acordo com o coordenador regional de Santa Maria da Vitória, delegado Alexandre Haas Pinheiro Cunha, o grupo criminoso é suspeito de atear fogo em várias casas do povoado de Mutum, ameaçar de morte os posseiros e efetuar disparos de arma de fogo. “A ação ocorreu no dia 14 de julho e eles chegaram a destruir um galpão com uma moto serra, com a finalidade de expulsar os moradores de suas propriedades”, salientou.

Ainda de acordo com o delegado, em setembro deste ano a mesma quadrilha apresentou dois posseiros na Delegacia Territorial (DT) de Santa Maria da Vitória, sob a acusação de que um deles estava armado dentro de uma propriedade particular. “Ao final das oitivas, constatamos que os posseiros não estavam armados e que, na verdade, eles queriam impor, por meio do medo, a sua vontade e expulsar os moradores da região, diante do acirramento dos conflitos agrários e da escalada criminosa”, destacou Alexandre Haas.

Novas diligências serão realizadas para localizar outros envolvidos no grupo criminoso. A dupla presa foi submetida ao exame de corpo de delito e está à disposição da Justiça.


Fonte: Blog Bahia  / Ascom, PC BA

Nenhum comentário:

Postar um comentário