SSP apresenta números que apontam queda de 18% nas mortes violentas em janeiro de 2024 na BahiaBlog Bahia (O Portal de Notícias do Oeste Baiano)


7 de fev. de 2024

SSP apresenta números que apontam queda de 18% nas mortes violentas em janeiro de 2024 na Bahia

  Primeiro mês do ano tem queda nos homicídios, latrocínios, lesões corporais seguidas de morte e feminicídios.

A Bahia contabilizou uma queda de 18% no índice de mortes violentas (homicídio, latrocínio, feminicídio e lesão corporal seguida de morte) em janeiro de 2024, na comparação com o primeiro mês do ano anterior.

Os números foram apresentados na manhã desta terça-feira (5), pelo secretário da Segurança Pública, Marcelo Werner, pelo subsecretário da SSP, Marcel de Oliveira, pelo comandante-geral da PM, coronel Paulo Coutinho, pela delegada-geral da PC, Heloísa Brito, pela diretora-geral do DPT, perita criminal Ana Cecília Bandeira, e pelo comandante-geral do Corpo de Bombeiros, coronel Adson Marchesini, durante coletiva no Centro de Operações e Inteligência (COI).

As ações ostensivas, preventivas e de inteligência das Polícias Militar e Civil, com apoios do Departamento de Polícia Técnica (DPT) e do Corpo de Bombeiros, além de iniciativas integradas com Forças Federais, preservaram 83 vidas. Em 2024 foram registrados 368 casos, contra 451 ocorrências em janeiro de 2023.

De 1° a 31 de janeiro foi computada uma redução e 50% no número de feminicídios. Em 2024 foram registrados quatro casos e, no primeiro mês do ano anterior, aconteceram oito.

Lesões corporais apresentaram redução de 84%, saindo de 13 para dois. Os latrocínios tiveram decréscimo de 60%, com dois casos este ano, contra cinco em janeiro de 2023.

Os homicídios recuaram 15%. Em 2024 a Polícia registrou 360 mortes e, em janeiro de 2023, foram contabilizadas 425 ocorrências.

“Fechamos o ano de 2023 com redução de 6% e o trabalho segue firme, com muito foco e integração. Continuaremos investindo em efetivo, capacitação e equipamentos”, destacou o secretário da Segurança Pública, Marcelo Werner.

Acrescentou ainda que o combate ao crime organizado é prioridade. “Com inteligência e repressão qualificada buscaremos apreender armamentos e capturar homicidas”, disse Werner. 


Fonte: Blog Bahia  / SSP BA

Nenhum comentário:

Postar um comentário