Presidente da FIEB participa de encontros com empresários em Barreiras e LEMBlog Bahia (O Portal de Notícias do Oeste Baiano)


12 de mar. de 2024

Presidente da FIEB participa de encontros com empresários em Barreiras e LEM

  Carlos Henrique Passos visita a região oeste e participa da AGENDA DA INDÚSTRIA para ampliar a aproximação com os empresários e ouvir suas demandas

Com o objetivo de apresentar os serviços disponibilizados de Sistema FIEB para estimular a competitividade da indústria na região oeste do estado, o presidente da Federação das Indústrias do Estado da Bahia (FIEB), Carlos Henrique Passos, participou, em Barreiras e Luis Eduardo Magalhães, da Agenda da Indústria FIEB.

Acompanhado dos executivos do Sistema FIEB, presidentes de sindicatos das indústrias e representantes de entidades representativas locais, os empresários industriais puderam conhecer os serviços nas áreas de Educação e Qualificação Profissional, Capacitação Empresarial e Saúde Segurança do Trabalho oferecidos pelo Serviço Social da Indústria (SESI), Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI), Instituto Euvaldo Lodi (IEL), FIEB e Centro das Indústrias do Estado da Bahia (CIEB).

Juntas, Barreiras e Luis Eduardo Magalhães respondem por um Produto Interno Bruto (PIB) de R$ 15,8 bilhões, de acordo com o IBGE. Com uma forte presença do agronegócio, a região também tem assistido ao crescimento do segmento industrial. Em Barreiras, a indústria representa 15% do PIB, enquanto em Luis Eduardo Magalhães corresponde a 21%, equivalente ao PIB da agropecuária, que é de 20% no município.

Luís Eduardo Magalhães concentra mais de seis mil trabalhadores distribuídos entre 544 empresas industriais, conforme dados da RAIS, do Ministério do Trabalho. A maior parte dos empregos gerados na indústria no município concentram-se nos setores da construção civil, manutenção e reparação de equipamentos, indústria de alimentos e fabricação de produtos minerais metálicos e não metálicos.

Já Barreiras soma mais de 4.200 trabalhadores, de 189 empresas industriais dos segmentos da indústria de alimentos, construção civil, manutenção e reparação de máquinas e equipamentos e fabricação de produtos minerais não metálicos.

FOCO NA PEQUENA EMPRESA

O objetivo da FIEB ao realizar a Agenda da Indústria – que já passou pelas regiões sul, sudoeste e extremo-sul -, é apresentar às empresas sediadas no interior as soluções desenvolvidas pelas entidades do Sistema Indústria na Bahia para a indústria.  

O desenvolvimento das indústrias do interior do estado, especialmente as de micro e pequeno portes, é um dos pilares da atuação do Sistema FIEB. “Nosso objetivo ao realizar estes encontros é nos aproximar ainda mais dos empresários para ouvir seus pleitos e buscar formas de apoiá-los”, destaca, Carlos Henrique Passos.

O Sistema FIEB está presente na região oeste do estado com duas unidades integradas, dotadas de escola de educação básica do Serviço Social da Indústria (SESI), escola técnica do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI), escritório do Instituto Euvaldo Lodi (IEL) e uma representação do Núcleo de Serviços da FIEB/SEBRAE.

NÚCLEO DE SERVIÇOS FIEB BUSCA MELHORIA DA COMPETITIVIDADE

A Federação das Indústrias do Estado da Bahia (FIEB), por meio do Núcleo de Serviços FIEB-SEBRAE e Sindicatos, tem ampliado a oferta de serviços e soluções para as micro, pequenas e médias empresas no interior do estado. Presente em 10 municípios baianos, a iniciativa é uma parceria com o Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae-BA), que busca contribuir para a competitividade das empresas baianas e a melhoria do ambiente de negócios local.

Dentre os serviços ofertados pelo núcleo, estão a regularização e licenciamento ambiental, internacionalização, associativismo e acesso a crédito. Na região oeste, as atividades do núcleo foram iniciadas no primeiro semestre de 2021 e, em 2023, foram realizados pouco mais de 222 atendimentos, sendo que 148 foram para indústrias, em especial as de micro, pequeno porte e médio portes, nos municípios de Barreiras, Luís Eduardo Magalhães, São Desidério e Angical. 

Em outra frente de ação, empresas foram mobilizadas para participação nos cursos de licenciamento ambiental, gestão financeira, mentorias para exportação e mobilização de projetos para participar do programa FIEB Indústria Sustentável.

No âmbito crédito, a equipe orienta e identifica a linha de crédito que melhor se encaixa ao perfil e necessidade das empresas, fazem a interlocução junto às instituições financeiras parceiras, além de acompanhar o processo do início ao fim. Mais de 20 operações foram realizadas e resultaram na liberação de quase R$ 3 milhões para capital de giro e investimentos para micro e pequenas empresas em 2023, apenas na região oeste. 

SESI TEM ATUAÇÃO NAS ÁREAS DE EDUCAÇÃO E SAÚDE E SEGURANÇA NO TRABALHO

Barreiras e Luis Eduardo Magalhães contam com duas escolas do Serviço Social da Indústria (SESI). Na Escola SESI Ignez Pitta Ribeiro, localizada em Barreiras, o SESI oferece educação básica com 457 alunos matriculados em 2023. Em Luís Eduardo Magalhães, na Escola SESI João Ubaldo Ribeiro, foram 615 matrículas no período.

O SESI, além das disciplinas tradicionais, também oferece no seu currículo Robótica e Iniciação Científica, metodologias ativas voltadas para o desenvolvimento das competências relacionadas à ciência e tecnologia e que e somam a outras habilidades culturais e socioemocionais, trabalhadas no contexto pedagógico.

Além da Educação Básica, jovens adultos também têm a oportunidade de elevar a escolaridade participando da Educação de Jovens e Adultos (EJA). Em 2023, foram 1.076 alunos matriculados na EJA. O SESI trabalha com uma metodologia especial, baseada no reconhecimento de saberes e com opção de ensino a distância.

Na área de Segurança e Saúde no Trabalho (SST), o SESI capacitou, por intermédio Escola SESI de Gestão em SST, 10.631 trabalhadores da indústria e atendeu, em 2023, nos serviços de promoção da saúde, 5.693 trabalhadores, de 523 empresas industriais.

SESI LANÇA PROJETO VOLTADO SEGURANÇA EM SILOS

Como parte da programação da visita do presidente da FIEB ao oeste baiano, o presidente da Federação das Indústrias do Estado da Bahia participou da abertura do evento de lançamento do Projeto Setorial de Armazenamento de Grãos.

O evento Um Diálogo Essencial para Segurança em Silos, foi realizado nesta terça-feira, 12.03, às 14 horas, no Centro de Treinamento da Abapa – Parceiros da Tecnologia, localizado na BR 020/242, KM-50, em Luís Eduardo Magalhães.

Voltado para empresários e profissionais do setor de armazenamento de grãos, serão abordados no evento os riscos associados à atividade e as principais causas identificadas, bem como as ações preventivas apresentadas pelo SESI.

Além da oportunidade da troca de experiências e estratégias para garantir a segurança dos trabalhadores, especialistas e convidados vão abordar a importância do cumprimento das normas de segurança em ambientes de armazenamento de grãos.

O Projeto Setorial é realizado pelo Serviço Social da Indústria (SESI Bahia), em parceria com a Associação Baiana do Produtores de Algodão (ABAPA), Associação de Agricultores e Irrigantes da Bahia (AIBA), Associação das Empresas do Centro Industrial do Cerrado de Luís Eduardo Magalhães (ACICLEM) e Associação das Empresas do Distrito Industrial de Barreiras (ADIB).

SENAI CAPACITOU MAIS DE 5,5 MIL PESSOAS EM 2023 NA REGIÃO OESTE

Somando a oferta de cursos de capacitação e projetos realizados em parceria com empresas, o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI) capacitou em 2023 mais de 5.500 pessoas. Em Barreiras, foram 2.071 alunos matriculados nas áreas de iniciação profissional, aprendizagem básica, qualificação profissional e aperfeiçoamento.

O SENAI oferece em Barreiras cursos técnicos Segurança do Trabalho, Eletrotécnica e eletromecânica e cursos de aprendizagem industrial em produção e logística além de um portfólio personalizado para atender o agronegócio. Além disso, o SENAI desenvolveu, especialmente voltado para atender à demanda da região, os cursos de Mecânica de Manutenção em Máquinas Agrícolas.

Em Luís Eduardo Magalhães, foram 3.061 pessoas capacitadas em 2023 e a meta é chegar a 3.500 este ano na oferta de cursos técnicos, iniciação profissional, aprendizagem básica, qualificação profissional e aperfeiçoamento.

Em parceria com empresas, foram firmados convênios com a ABAPA para realização de cursos sob demanda, atendendo os produtores de Algodão Associados. Também foi criado o curso de mecânico de Manutenção em Máquinas Agrícolas, que está na 9º turma, em parceria com Agrosul – Jhon Deer. Este programa foi replicado para outras concessionárias como a Case e a Fendt.

Em parceria com a Jaraguá Horsch, iniciado em fevereiro 2024, o SENAI desenvolveu a Trilha de Formação para Mecânico. Também criou, em parceria com a Fockinck Indústrias Elétricas Ltda. Uma turma de montador de pivô de Irrigação. O SENAI mantém parcerias ainda com empresas como a Cargill, Galvani (Fosnor), Mauricéa e Neoenergia.

IEL ATUA NAS ÁREAS DE DESENVOLVIMENTO DE CARREIRAS E EMPRESARIAL

Além do SESI e SENAI, o Instituto Euvaldo Lodi (IEL Bahia) mantém unidades de atendimento em Luis Eduardo Magalhães e Barreiras, com atuação nas áreas de desenvolvimento de carreiras e empresarial. Em 2023, foram cerca de 300 empresas atendidas pelo IEL na região.

Em Desenvolvimento de Carreiras, além do Programa de Estágio, o IEL também atua na intermediação de jovens aprendizes, somando 201 encaminhamentos em 2023, nas duas cidades e em Santa Maria da Vitória. Com uma atuação voltada também para a seleção de profissionais, o IEL apoia as empresas em iniciativas de promoção da inovação, por meio do Inova Talentos, com a concessão de bolsas de inovação para desenvolvimento de soluções.

Em desenvolvimento empresarial, o IEL impactou 50 empresas por meio do Programa PEIEX e atua na área de educação empresarial.

SISTEMA FIEB

Sob a liderança da FIEB, o Sistema Indústria na Bahia é formado pelo Serviço Social da Indústria (SESI), Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI), Instituto Euvaldo Lodi (IEL) e pelo Centro das Indústrias do Estado da Bahia (CIEB). Todas essas entidades formam o SISTEMA FIEB, atuando conjuntamente e de maneira integrada, disponibilizando serviços em áreas relevantes para a sociedade, como educação, saúde, lazer, qualificação profissional, informação especializada, desenvolvimento e inovação tecnológica.  A FIEB é uma das 27 federações que integram a Confederação Nacional da Indústria (CNI), entidade nacional representativa do setor industrial brasileiro. 


Fonte: Blog Bahia  /  (FIEB

Nenhum comentário:

Postar um comentário