Embasa desativa redes clandestinas de água em Ibotirama, no Oeste da BahiaBlog Bahia (O Portal de Notícias do Oeste Baiano)

13 de fev. de 2021

Embasa desativa redes clandestinas de água em Ibotirama, no Oeste da Bahia

  

Com uma ação finalizada no início deste mês, a Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa) promoveu uma série de intervenções para desativar redes clandestinas de água em Ibotirama, no Oeste da Bahia. Os técnicos estiveram em campo até a sexta-feira (5) para reposicionar cerca de dois mil metros de rede como forma de eliminar 27 pontos de furtos de água da rede, que vinha prejudicando a oferta de água nos bairros Alto do Cruzeiro, Alto do Fundão, Campo Verde e São Francisco.


O gerente da Embasa em Ibotirama, Odirlei Dourado dos Santos, explica que a operação transferiu 188 ramais de água, que ligam os imóveis às redes de água. “Esta foi a forma encontrada para evitar que aqueles que pagam as suas contas em dia continuem sendo prejudicados pelos furtos. A água tratada, que deveria ser utilizada para o uso doméstico, estava sendo furtada e utilizada de forma indiscriminada para irrigação, piscina e outros usos, reduzindo a oferta pelo restante dos moradores”, reforça. O furto de água é qualificado como crime ao patrimônio, de acordo com o Artigo 155, do Código Penal, com pena de reclusão e multa.


Novas ligações - No período de duas semanas de trabalho concentrado nos bairros Alto do Fundão e Campo Verde, a Embasa também executou novos 1614 metros de extensão de rede distribuidora para atender 31 novos imóveis com água tratada e canalizada em Ibotirama. Ainda como melhoria operacional para o bairro Alto do Cruzeiro, que fica na parte alta da cidade, foi executada uma intervenção que liga a estação de bombeamento diretamente para a rede que atende as ligações do bairro. Com captação no rio São Francisco, a Embasa beneficia com água tratada cerca de 8,7 mil imóveis em Ibotirama.


Assessoria de Comunicação da Embasa

Unidade Regional de Barreiras (UNB)

Nenhum comentário:

Postar um comentário