Secretaria de Saúde de Barreiras apresenta Relatório Detalhado do Quadrimestre na Câmara de VereadoresBlog Bahia (O Portal de Notícias do Oeste Baiano)

24 de fev. de 2021

Secretaria de Saúde de Barreiras apresenta Relatório Detalhado do Quadrimestre na Câmara de Vereadores

  

Foi realizada na tarde dessa segunda-feira, 22, no Plenário Aroldo Cavalcante na Câmara de Vereadores, a apresentação do Relatório do Quadrimestre Anterior, promovida pela Prefeitura de Barreiras, por meio da Secretaria Municipal de Saúde. O relatório foi apresentado pelas assessoras técnicas Maria Messias e Ivana Carinhanha e trouxe dados importantes sobre os investimentos feitos na área de saúde, as despesas pagas, os indicadores e as metas, referentes ao 3º quadrimestre de 2020, de setembro a dezembro de 2020. Foram aplicados R$ 54.440.901,31 na saúde, 20,3% dos recursos públicos do município.

Os presentes também puderam conhecer de modo quantitativo os serviços e investimentos feitos pelo município no enfrentamento à Covid-19, e constatar avanços importantes como a queda na taxa de mortalidade infantil, aumento do percentual de cura em pacientes com hanseníase e tuberculose pulmonar bacilífera, aumento da cobertura em saúde bucal e da rede de atenção básica. Houve ainda a ampliação da rede física prestadora de serviços do Sistema Único de Saúde – SUS, de 78 para 132, comparando os estabelecimentos de saúde registrados no Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde - CNES, por tipos de gestão, no período de 2017 a 2020.


Na atenção básica, atendimentos individuais, odontológicos, visitas e atendimentos domiciliares, atividades coletivas, dentre outros, resultaram em 624.975 atendimentos. Já na urgência e emergência, foram 10.947 procedimentos nas modalidades: clínico, cirúrgico e com finalidade diagnóstica. Além de 6.626 Autorizações de Internação Hospitalar - AIHs pagas, totalizando investimento superior a 1 milhão e 700 mil reais.


Do primeiro ao terceiro quadrimestre a rede de atenção primária também foi ampliada para atender pacientes com síndromes gripais e sintomas referentes à Covid-19, sem comprometer os demais serviços ofertados nas redes primária e secundária.

“Em 2021, esperamos que o cenário possa ser diferente, que possamos, sobretudo, continuar persistindo na melhoria dos indicadores e na consolidação da oferta de serviços de saúde cada vez mais humanizado que é o interesse e a prerrogativa da gestão municipal”, avaliou a assessora técnica Ivana Carinhanha. 


Fonte: Blog Bahia  / Dircom

Nenhum comentário:

Postar um comentário