Barreiras: Homem vai embora com carro alheio, mas procura a delegacia para fazer devoluçãoBlog Bahia (O Portal de Notícias do Oeste Baiano)

8 de set. de 2021

Barreiras: Homem vai embora com carro alheio, mas procura a delegacia para fazer devolução

 

O cidadão Givaldo Soares de Souza, 59 anos, morador do bairro Sandra Regina, alega que por displicência, fez a troca do carro por outro, com as mesmas características e marca do seu, no instante em que saía da Prainha (Rio de Ondas) para a casa de sua mãe, por volta das 17 horas dessa terça-feira (07).


Segundo ele, somente na manhã de hoje, após chegar da casa da namorada, onde foi dormir, percebeu que o veículo não era o dele. “Eu vim descobrir agora de manhã que o carro não era o meu. Ainda perguntei ao meu irmão se ele sabia onde estava o meu veículo e ele respondeu que o outro Gol estava na porta da casa de minha mãe desde ontem, e nesta hora eu desconfiei que tinha trazido o carro errado pra casa”.


Givaldo diz que ao sair do rio de Ondas, abriu a porta e ligou o automóvel sem dificuldades. Ainda declara que o auto tem as rodas diferentes e está bem mais conservado. Estava sóbrio, afirmou, mas não notou tais diferenças ao sair da Prainha. Hoje pela manhã, ele voltou ao local e pegou o seu veículo em frente ao bar da Marlene, depois procurou o complexo policial do bairro Aratu para comunicar o engano e para devolver o carro alheio.


O VW/Gol levado por engano, pertence ao senhor Luciano de Oliveira Soares, que ontem mesmo registrou queixa de furto na delegacia de polícia. No Boletim de Ocorrência (BO), ele descreveu que por volta das 18 horas e 30 minutos, constatou que elemento não identificado havia “furtado” seu veiculo, deixado às margens do rio de ondas, na’ ‘Prainha’´, no instante em que foi ao um barzinho.


Ciente de que houve apenas um mal-entendido, a polícia civil promete baixar a ocorrência de furto e já entrou em contato com Luciano para fazer a devolução do seu veículo.


O cidadão Givaldo Soares de Souza, 59 anos, morador do bairro Sandra Regina, alega que por displicência, fez a troca do carro por outro, com as mesmas características e marca do seu, no instante em que saía da Prainha (Rio de Ondas) para a casa de sua mãe, por volta das 17 horas dessa terça-feira (07).


Segundo ele, somente na manhã de hoje, após chegar da casa da namorada, onde foi dormir, percebeu que o veículo não era o dele. “Eu vim descobrir agora de manhã que o carro não era o meu. Ainda perguntei ao meu irmão se ele sabia onde estava o meu veículo e ele respondeu que o outro Gol estava na porta da casa de minha mãe desde ontem, e nesta hora eu desconfiei que tinha trazido o carro errado pra casa”.


Givaldo diz que ao sair do rio de Ondas, abriu a porta e ligou o automóvel sem dificuldades. Ainda declara que o auto tem as rodas diferentes e está bem mais conservado. Estava sóbrio, afirmou, mas não notou tais diferenças ao sair da Prainha. Hoje pela manhã, ele voltou ao local e pegou o seu veículo em frente ao bar da Marlene, depois procurou o complexo policial do bairro Aratu para comunicar o engano e para devolver o carro alheio.


O VW/Gol levado por engano, pertence ao senhor Luciano de Oliveira Soares, que ontem mesmo registrou queixa de furto na delegacia de polícia. No Boletim de Ocorrência (BO), ele descreveu que por volta das 18 horas e 30 minutos, constatou que elemento não identificado havia “furtado” seu veiculo, deixado às margens do rio de ondas, na’ ‘Prainha’´, no instante em que foi ao um barzinho.


Ciente de que houve apenas um mal-entendido, a polícia civil promete baixar a ocorrência de furto e já entrou em contato com Luciano para fazer a devolução do seu veículo.


Fonte: Blog Bahia  / Alô Alô Alô Salomão

Nenhum comentário:

Postar um comentário