Após reajustes de até 53%, saiba como ficou os salários dos agentes políticos para 2023Blog Bahia (O Portal de Notícias do Oeste Baiano)



23 de dez. de 2022

Após reajustes de até 53%, saiba como ficou os salários dos agentes políticos para 2023

 

O Congresso Nacional aprovou o Orçamento para 2023 prevendo um reajuste de 8,91% do salário mínimo, chegando a R$ 1.320. Em contrapartida, os vencimentos do governador da Bahia, por exemplo, sofreram um aumento de 48,5%, chegando a R$ 34,9 mil a partir do dia 1º de janeiro do ano que vem. O salário do chefe do executivo baiano era de R$ 23,5 mil, tendo sofrido o último reajuste em dezembro de 2021.

O vice-governador e os secretários da Bahia também tiveram um aumento em suas remunerações. O aumento dos vencimentos chegou a 53,81% após a Assembleia Legislativa (AL-BA) aprovar um acréscimo de R$ 10.925 nos salários da cúpula executiva, que agora chegaram a R$ 30,92 mil.

No campo legislativo, os deputados estaduais da Bahia também tiveram um acréscimo salarial, por conta do aumento dos vencimentos dos parlamentares federais. De acordo com o inciso 2 do artigo 27 da Constituição Federal, os legisladores estaduais devem receber um salário equivalente a 75% da remuneração dos deputados da Câmara.

Como o Congresso Nacional aprovou um reajuste gradativo dos congressistas, o salário de um parlamentar estadual saltou de R$ 25,3 mil para R$ 29,47 mil em janeiro de 2023. Porém, ainda haverá outro reajuste no mesmo ano, com os vencimentos chegando a R$ 31,23 mil a partir do dia 1° de abril.

O texto aprovado no Congresso ainda prevê aumentos nos anos de 2024 e 2025, com os salários chegando a R$ 33 mil e R$ 34,77 mil, respectivamente, para os deputados estaduais.

FEDERAL

No âmbito nacional, o salário do presidente eleito, Luiz Inácio Lula da Silva (PT), chegará a mais de R$ 46 mil em 2025. Atualmente, o salário do chefe do executivo federal gira em torno de R$ 30,9 mil.

O Congresso padronizou, a partir de 2023, os salários do presidente da República, do vice, dos ministros do executivo federal, dos deputados e senadores e, por fim, dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF). A partir de abril do ano que vem, todos irão receber uma remuneração de R$ 41.650,92.,

A última vez em que houve aumento para os ministros do STF foi em 2015. Para o Congresso e a cúpula do Poder Executivo, o último reajuste salarial foi em 2014.  A inflação acumulada de dezembro de 2014 até novembro deste ano é superior a 108%.

Veja como ficou o salário de cada um dos agentes políticos após as readequações salariais:

Governador da Bahia:

Salário atual:
R$ 23.500,00

2023:
R$ 34.900,00

Vice-governador e secretários:

Salário atual: R$ 20,3 mil

2023: R$ 30.925,00

Deputados estaduais: 

Salário atual: R$ 25,3 mil

2023: 
1º de janeiro: R$ 29.469,99
1º de abril: R$ 31.238,19

2024: R$ 33.006,19

2025: R$ 34.774,64

SALÁRIOS NO ÂMBITO FEDERAL:

Presidente, vice e ministros:

Salário atual: R$ 30.934,70

2023:

1º de janeiro: R$ 39.293,32
1º de abril: R$ 41.650,92

2024: R$ 44.008,52

2025: R$ 46.366,19

Senadores e deputados federais

Salário atual: R$ 33.763,00

2023:

1º de janeiro: R$ 39.293,32
1º de abril: R$ 41.650,92

2024: R$ 44.008,52

2025: R$ 46.366,19

 

STF

Salário atual: R$ 39.293,32

2023: R$ 41.650,92

2024: R$ 44.008,52 

2025: R$ 46.366,19

Salário Mínimo

Salário Mínimo atual: R$ 1.212

2023: R$ 1.320


Fonte: Blog Bahia  /    Bahia Notícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário