Balanço da Operação Ano Novo apresenta queda de 65% no número mortes nas rodovias federais da BahiaBlog Bahia (O Portal de Notícias do Oeste Baiano)



2 de jan. de 2023

Balanço da Operação Ano Novo apresenta queda de 65% no número mortes nas rodovias federais da Bahia

 

Além de conscientizar os usuários quanto à importância da obediência às leis de trânsito, os policias buscaram coibir condutas que potencializam a ocorrência de acidentes graves e com vítimas.

Para que as pessoas pudessem chegar a seu destino e festejar com segurança o Ano Novo, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) reforçou a fiscalização e o trabalho de prevenção a acidentes nas rodovias federais que cortam o estado da Bahia.

As ações para o feriado se deram de 30 de dezembro a 01 de janeiro nos principais pontos de acidentalidade e incidência de práticas criminosas no estado.

No decorrer do feriado  3.224 veículos foram fiscalizados e cerca de 4.369 pessoas foram abordadas em ações de policiamento da PRF nas rodovias federais da Bahia.

Acidentes, feridos e óbitos

Em relação ao mesmo período do Réveillon do ano anterior, a PRF na Bahia registrou uma redução de 16% no número de acidentes totais, 31 em 2021/2022 contra 26 este ano 2022/2023. Destes, 13 foram acidentes graves, quando resultam em, pelo menos, um óbito ou ferido gravemente, o que representa uma redução de 7%. Do total de acidentes registrados, 27 pessoas ficaram feridas, número que representa uma redução de 57% em relação ao mesmo período do ano passado. Este ano, 05 pessoas morreram durante o feriado nas rodovias baianas, redução de 65% com relação ao ano anterior, quando 14 pessoas vieram a óbito.

A queda no número de acidentalidade reflete os esforços das ações da PRF de educação para o trânsito e de combate às infrações que mais causam acidentes graves ou potencializam a gravidade de lesões, como ultrapassagens indevidas, condução sob efeito de bebida alcoólica e o não uso dos equipamentos de segurança.

Os óbitos foram registrados em trechos: BR 101 (2 mortes); BR 116 (01 morte) e BR 242 (2 mortes).

Segurança viária

Durante as abordagens, os policiais buscaram conscientizar motoristas e passageiros a respeito de condutas prudentes no trânsito, como por exemplo, a importância do uso do cinto de segurança, da acomodação correta das bagagens, do bom estado de conservação e regularização do veículo e, claro, da obediência às leis de trânsito.

Uma das estratégias foram as ações de educação para o trânsito, que atingiram mais de 1.300 pessoas.

Os policiais prestaram ainda auxílio a 53 motoristas que tiveram problemas mecânicos ou se envolveram em acidentes sem vítimas durante a viagem. Além disso, as equipes reduziram os riscos de acidentes ao retirarem das rodovias 36 animais que estavam soltos.

Apesar de todo o trabalho educativo, muitas pessoas se arriscaram e colocaram a vida de outras pessoas também em risco. Nestes quatro dias de atividades a PRF BA emitiu 1.495 notificações referentes a infrações diversas.

A pressa também fez muita gente ultrapassar de forma proibida. De 30/12/2022 a 01/01/2023 foram 352 autos extraídos desse tipo de infração, representando quase cinco flagrantes por hora de operação. Esse tipo de ultrapassagem é responsável pela maioria dos acidentes do tipo colisão frontal, onde o motorista não consegue efetuar em tempo a manobra de ultrapassagem ou força a ultrapassagem, colidindo frontalmente com o veículo que está trafegando no sentido contrário.

Para evitar a violência no trânsito, os policiais intensificaram a fiscalização preventiva e no que se refere aos testes de alcoolemia, foram realizados 2.538 testes com etilômetro (aparelho utilizado para aferir a quantidade de álcool ingerido pelo condutor, conhecido popularmente como bafômetro). Apesar da ampla divulgação para que o condutor não misture bebida e direção, foram flagrados 42 motoristas sob efeito de álcool, um aumento de 35%, em comparação ao feriado do ano passado.

O uso dos equipamentos de segurança obrigatórios também estiveram no foco das fiscalizações. A PRF também emitiu 16 autos de infração para motociclistas ou passageiro sem capacete. Obrigatório não só para o motorista, mas também para todos os ocupantes do veículo, o cinto de segurança, ou melhor, o não uso dele gerou 113 autuações. Quando o alvo das fiscalizações foi a criança sem cadeirinha, 36 autos foram emitidos.

No esforço da PRF para reduzir os riscos de acidente, foram recolhidos 87 veículos com problemas em equipamentos obrigatórios, documentação e mau estado de conservação.

A PRF ressalta que a promoção de um trânsito mais seguro depende principalmente do apoio da sociedade. É preciso que todos obedeçam às leis de trânsito, tenham cautela ao conduzirem os seus veículos e tomem atitudes que promovam a segurança viária. No trânsito, escolha a vida!

Enfrentamento a criminalidade

A expertise policial permitiu realizar trabalhos de prevenção e manutenção da segurança viária e da mobilidade, sem deixar de lado as atuações no combate à criminalidade.

Para o combate, especialmente, de crimes como o tráfico de drogas, o contrabando de cigarros e crimes violentos, a Operação Ano Novo foi pautada, além de informações qualificadas de inteligências, por dados estatísticos consolidados. Além disso, a operação também contou com policiais capacitados e especializados, emprego de técnicas avançadas de policiamento, tecnologia e a expertise dos PRFs, conscientes da missão institucional de proteger a sociedade.

Durante os três dias de atividades, a PRF na Bahia recuperou 06 veículos com registro de roubo ou furto. As abordagens resultaram ainda na apreensão de quase 70 quilos de maconha https://www.gov.br/prf/pt-br/noticias/estaduais/bahia/2022/dezembro/duas-mulheres-sao-presas-em-feira-de-santana-ba-transportando-quase-70kg-de-maconha-dentro-de-onibus

Destacam-se também que 11 pessoas foram detidas por diversos crimes.


Fonte: Blog Bahia  /  PRF

Nenhum comentário:

Postar um comentário